Élder Christofferson: 3 medos que nos impedem de nos comprometermos com o Salvador

O primeiro Devocional Mundial de 2020 aconteceu no domingo, 12 de Janeiro na Utah Valley University. O Élder D. Todd Christofferson do Quórum dos Doze Apóstolos e sua esposa, Kathy Christofferson, se dirigiram aos jovens adultos.

De acordo com o Church News, o Élder Christofferson compartilhou três medos que podem nos impedir de nos comprometermos com o Salvador: medo de estar perdendo algo, medo de fracassar, e medo de sacrificar.

Medo de estar perdendo algo

Elder Christofferson explicou que ter medo de ficar de fora é um sentimento bastante racional, no entanto, atrasar “aparentemente para sempre” escolhas ou compromissos pode significar perder outras coisas, coisas ainda melhores.

“…mas se fizerem uma escolha e não se comprometerem a seguir certa direção, terão uma vida inconstante, e no final, ficarão de fora da maioria das melhores coisas”, disse ele.

Foto: Church News

Medo de fracassar

O compromisso de seguir o Salvador por toda a vida pode, às vezes, ser desafiador, reconheceu o Élder Christofferson. Mas, os jovens adultos não precisam temer porque o Senhor está do seu lado.

“Não precisamos viver com medo do fracasso. Não estamos sozinhos. Não estamos sem ajuda”, disse. “Quem verdadeiramente se compromete com Cristo, a um discipulado completo, não falha. Se estamos ligados àquele que desceu abaixo de todas as coisas, que venceu todas as coisas, e que agora tem todo o poder, não podemos falhar.”

Medo de sacrificar

Elder Christofferson compartilhou a parábola do jovem rico e discutiu como podemos parar para seguir o Salvador devido ao medo do sacrifício. Anteriormente, a irmã Christofferson falou sobre como o Senhor nos fornece os meios para realizar o que Ele nos pede, inclusive quando o sacrifício está envolvido.

A irmã Christofferson contou uma história do início de seu casamento, quando os membros foram convidados a contribuir para um fundo de reforma da capela que frequentavam. Apesar de estarem apertados financeiramente (o Élder Christofferson estava na pós-graduação e eles tinham dois filhos pequenos), eles escolheram doar para o fundo.

Foto: Church News

Algumas semanas após a doação, um homem bateu na traseira do carro deles. O homem perguntou se podiam resolver entre eles, sem envolver o seguro do carro. Estimando um conserto, o homem lhes deu um cheque.

“O valor do cheque era quase o mesmo da contribuição que fizéramos para o fundo de construção”, disse a irmã Christofferson. “Aquele foi um testemunho para nós de que o Senhor, como disse Néfi, ‘dá-nos meios pelos quais poderemos cumprir as coisas que nos ordenou’ (1 Néfi 17:3).”

Assista ao evento completo:

Fonte: LDS Living

Relacionado:

Como transformar as nossas atitudes durante um sofrimento físico ou mental

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *