O Diretor de Assuntos Públicos nos tempos de Moisés.

Moisés, às margens do Mar Vermelho, vendo que os exércitos do Faraó se aproximavam rapidamente, chama o Sub-Tenente dos exércitos de Israel (responsável pelos suprimentos e transportes), e pergunta: _ “Sub”, cadê os navios para a travessia desse mar? O Sub-Tenente responde: Mas, Presidente! (naquela época Moisés era o Presidente da Igreja), o senhor sabe que saímos apressadamente!!! Não deu tempo nem de fermentar o pão, imagine de providenciar navios pra todo esse povo!!! Então, percebendo que os exércitos inimigos estavam cada vez mais perto, e temendo pela própria vida e de todo o seu povo, Moisés retruca: “Sub”, mas você não consegue nem umas canoas, ou botes salva-vidas, bóias de pneu de caminhão, ou pelo menos uns troncos de árvore para que essa gente passe para o outro lado e não morramos todos aqui nesse deserto??? O Sub-Tenente respondeu: Não, Profeta, não consegui providenciar nadica de nada, mesmo… Aí então Moisés se levantou, ergueu os braços para os céus e num brado que se podia ouvir até muito longe, exclamou: Será possível que eu vou ter que fazer um maravilhoso milagre tocando as essas águas com o meu cajado, dividindo esse mar, para que todos esses filhos de Israel atravesse para o outro lado, em terra seca??? Então o Diretor Geral de Assuntos Públicos, que até aquele momento estava só ouvindo a conversa, e temendo mais pela própria vida do que qualquer outra coisa, disse a Moisés: Presidente, se o fizer esse milagre, eu prometo que consigo um lugarzinho para os seus livros na Bíblia… É por isso que os cinco primeiros livros da Bíblia são de Moisés…

Enviada por: Elson Carlos Ferreira
E-mail: elsonferreira@gmail.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *