135 casais de líderes de missão recebem treinamento virtual em 17 países

Devido à atual pandemia da COVID-19 que restringe viagens e grandes reuniões públicas, a Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias realizou o Seminário de Liderança Missionária deste ano por meio de transmissões online de 26 de junho a 27 de junho.

Os 135 casais, formados pelos novos presidentes de missão e suas esposas, foram treinados, preparando-se para servir em 79 países.

Diferente dos seminários anteriores realizados no Centro de Treinamento Missionário de Provo, este ano o evento foi transmitido pelo Conference Center Theatre em Salt Lake City e em outros lugares na sede da Igreja.

Na manhã de sexta-feira, 26 de junho, o Presidente Russell M. Nelson deu início ao seminário. Ele falou sobre a orientação divina do Profeta Joseph Smith e explicou seu propósito ao escolher este tópico.

“Por duas razões: primeiro, para reafirmar a vocês e prestar meu testemunho pessoal de que essa obra é verdadeiramente divina. É a obra do Senhor Jesus Cristo, e Joseph Smith é o Seu profeta nesta última dispensação.”

“Segundo, para declarar que vocês, também, podem e serão guiados pelo céu no seu trabalho ao buscar direcionamento, orientação e inspiração do alto.”

A Primeira Presidência, o Quórum dos Doze Apóstolos e o Conselho Executivo Missionário também falaram no seminário, entre eles: o Presidente Dallin H. Oaks, o Presidente Henry B. Eyring, o Presidente M. Russell Ballard, o Élder Jeffrey R. Holland, o Élder Dieter F. Uchtdorf, o Élder David A. Bednar, o Élder Quentin L. Cook, o Élder D. Todd Christofferson, o Élder Neil L. Andersen, o Élder Gerrit W. Gong e a Presidente Bonnie H Cordon.

Normalmente, o seminário era realizado em 3 dias, mas este ano foi reduzido para 2. Portanto, a quantidade de palestrantes nas sessões também foi reduzida.

Outros membros do Quórum dos Doze Apóstolos que não falaram durante o seminário realizaram sessões virtuais à tarde com grupos menores de novos presidentes de missão e suas companheiras. Membros da Presidência dos Setenta e do Conselho Executivo Missionário também participaram dessas pequenas sessões.

Durante os 2 dias do seminário, os grupos discutiram o tema “O que eu aprendi e o que vou fazer?” que foi baseado nas impressões que eles receberam durante os discursos dos líderes da Igreja dados pela manhã.

“Consultamos juntos o que aprendemos e isso nos ajudaria em nosso serviço. Além disso, fomos capazes de receber informações daqueles que lideraram a obra, assim como pensamentos, impressões e conselhos adicionais deles e dos demais.”

“Isso demonstrou um padrão valioso de aprendizado conjunto que podemos implementar no campo missionário ao trabalharmos com missionários”, disse a irmã Darice Dudfield, que acompanha o marido, o presidente Robert J. Dudfield, que lidera a missão na Etiópia Addis. Abeba.

Novos líderes de missão e seus companheiros participaram do seminário virtual de suas casas, em 17 países em todo o mundo.

Os novos presidentes de missão e suas esposas, que normalmente atuam por 3 anos, começarão suas designações em 1 de julho, por volta desta data ou quando as restrições de viagem permitirem a realocação para o país no qual foram designados.

A partir de julho de 2020, a Igreja terá 406 missões em todo o mundo, incluindo 8 novas missões: Brasil Recife Sul, Camarões Yaoundé, Equador Guayaquil Leste, Etiópia Adis Abeba, Moçambique Beira, Tanzânia Dar es Salaam, Texas Austin e Texas Dallas Leste.

Fonte: Church News

Relacionado:

Presidente Nelson ensina aos novos presidentes de missão como receber tutoria celestial

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *