O que fazer quando descubro informações na internet que questionam minha fé

Não queremos ter uma mente tão fechada a ponto de encararmos o mundo da perspectiva de um buraco de uma agulha, mas também não queremos ter uma mente tão aberta a ponto de deixarmos nosso cérebro suscetível aos males do mundo.

Se você entrou neste artigo pelo título, talvez esteja passando por algumas perguntas sobre a veracidade da Igreja de Jesus Cristo por causa de informações negativas que encontrou na internet ou na sequência de alguma conversa com outras pessoas.

E antes de responder o que fazer, deixe-me dizer-lhe que não é ruim ter dúvidas e perguntas. Você não parou de ter um testemunho, em vez disso, você está prestes a aumentá-lo.

Deixe-nos contar uma história real sobre um amigo que chamaremos de Matias. Após sua missão e casamento no templo, Matias formou uma família e, com o tempo, tornou-se bispo.

Mais tarde, descobrimos que Matias estava lutando com uma série de dúvidas e desapontamentos porque encontrou informações na Internet que, segundo ele, sabotaram sua fé na religião.

Quando alguém perguntou o que aconteceu, Matias disse que durante anos, como membro e líder da Igreja, viveu em uma bolha e se sentia feliz. Então, alguns de seus amigos da Igreja vieram até ele em busca de respostas para perguntas que encontraram na Internet.

autor

Arte: Brother Joseph, por David Lindsley

Ele disse que muitos dos tópicos eram novos para ele, por exemplo, como Joseph Smith traduziu o Livro de Mórmon e o Livro de Abraão, por que os homens negros africanos não receberam o sacerdócio até 1978? e Joseph Smith realmente praticou poligamia?

O problema de Matias não teve a ver com o que aconteceu em cada exemplo, uma vez que ele descobriu os detalhes. Em vez disso, ele se sentiu traído por não saber mais sobre esses assuntos antes.

Vou dizer a verdade para você

Nós tínhamos aprendido sobre essas coisas como estudantes em uma aula na BYU, então não tínhamos certeza do porquê Matias não havia aprendido sobre elas. Todas as suas perguntas também foram discutidas em artigos acadêmicos por membros da Igreja na Enciclopédia do Mormonismo, que foi publicada por uma editora internacional em 1992.

Mas com o rápido crescimento internacional da Igreja nos últimos anos, temos que fazer um trabalho melhor para apresentar a novos membros da Igreja, e também aos nossos próprios filhos, esses tópicos que podem exigir um pouco mais de estudo para obter uma compreensão mais completa.

A história real da restauração da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias nunca foi secreta ou privada, e nos últimos anos está mais acessível, um exemplo claro é a publicação das edições de “Santos”, a nova história da Igreja em 4 volumes que apresenta histórias reais que todos podem entender.

Outro exemplo são os Ensaios sobre os Temas do evangelho que se encontram agora no site da Igreja, nos quais se analisam cuidadosamente todas as perguntas de Mattias e muitas outras.

Mas vamos ao que prometemos no título, o que fazer quando você precisa saber mais sobre o evangelho restaurado. Confira abaixo quatro sugestões:

1. Perguntas de fé são valiosas

Ter uma mente curiosa é um caminho para a compreensão e o crescimento. A Igreja não se autodestrói sob questionamento ou escrutínio. Em vez disso, buscar respostas e uma compreensão mais profunda pode realmente nos ajudar a crescer.

Não queremos ter uma mente tão fechada a ponto de encararmos o mundo da perspectiva de um buraco de uma agulha, mas também não queremos ter uma mente tão aberta a ponto de deixarmos nosso cérebro suscetível aos males do mundo. Então, quando escolhemos nos adaptar à perspectiva mais completa e fiel, não permitimos que temas que ainda não entendemos interfiram nas verdades fundamentais que entendemos.

2. Seja cauteloso em relação aos pontos fracos da Internet

O acesso sem reservas a todas as informações da internet oferece grandes vantagens, mas também leva a grandes perigos.

Pode ser preciso muito esforço para verificar a precisão e os motivos dos autores de um site. A falta de filtros responsáveis e eficazes torna a Internet altamente vulnerável a informações e manipulações ruins.

Portanto, devemos ler o que nossos próprios estudiosos Santos dos Últimos Dias escreveram.  Eles já responderam muito bem às críticas mais comuns contra a Igreja.

3. Concentre se no conteúdo doutrinal extremamente positivo da Restauração

Aparentemente, Joseph teve acesso às fontes originais das quais todas as outras escrituras vieram, uma janela para todo o reino celestial; talvez a mesma janela pela qual Moisés, Néfi e João, O Revelador, viram.

As doutrinas puras e profundas que ali encontrou, revolucionaram o cristianismo, restauraram a verdadeira compreensão da natureza de Deus e da nossa relação com Ele, da natureza do homem – passada, presente e futura – e da Queda, da Expiação de Cristo e do propósito da vida.

Esta surpreendente base religiosa ressoa como uma verdade transparente, que fala por si com tanta clareza que os detalhes de como o Senhor a revelou a Joseph, mesmo que pudéssemos compreendê-los, são menos importantes que o conteúdo recebido.

4. Cultive uma atitude de mansidão

O Élder Neal A. Maxwell disse que duvidar pode abrandar ou endurecer nossos corações, de acordo com [nosso] nível de mansidão. Ser manso, abrandar o coração e abrir a mente, mantém viva a semente da fé.

Quando permitimos que a adversidade nos endureça impedimos que nossa semente continue se desenvolvendo, mas se preservarmos com mansidão nosso desejo de crer e nosso coração fiel, a semente poderá florescer.

Fonte: Más Fe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *