Se você acha que estragou o Plano do Pai Celestial para você, leia esse artigo

Para qualquer um que pensa que estragou o plano que Deus tem por você – você está errado. E o mais importante, você não pode estragá-lo. Deus é o autor da eternidade. Temos a habilidade de escolher, então somos os comandantes do nosso destino. Mas não importa o que façamos, não importa o quando tenhamos nos distanciado de Deus, ou vivido uma vida achando que Ele não está interessado em nos ajudar, isso não é verdade. O Élder Jeffrey R. Holland ensinou:

“Não há nada… que fizeram que não possa ser desfeito.”

Se você acredita que arruinou o plano que Deus tinha para a sua vida, você deve se sentir sem esperança e desamparado. Sua dor é real, forte e válida. No entanto, apesar de parecer inacreditável agora, o amor de nossos Pais Celestiais por você, é verdadeiro e mais forte do que qualquer coisa que possa imaginar.

Para ter uma ideia melhor de como o amor divino, pode combater qualquer sentimento negativo e nos mostrar o verdadeiro plano de Deus para nós, é importante saber como funciona o plano do Pai para Seus filhos.

O Plano de nosso Pai é universal. O plano de salvação nos ensina que “por meio da Expiação de Cristo, toda a humanidade pode ser salva” (Regras de Fé 1:3). A benção de ser salvos do pecado é oferecida a todas as pessoas.

Outro ponto é que nossos planos são muito pessoais. Deus é onipresente, cuida de nós, nos guia para o que é bom, e traz o que é bom até nós. A irmã Sydney S. Reynolds, antiga conselheira da Presidência Geral da Primária, disse:

“Na Primária, ensinamos às crianças que cada uma é filha de Deus e que o Pai Celestial as conhece e ama. Os líderes da Primária e do sacerdócio imitam o que o Salvador faria quando chamam as crianças pelo nome.”

Deus nunca nos deixará sem um plano. O propósito dele é simples – “levar a efeito a imortalidade e vida eterna” de todos os Seus filhos. Como a popular canção da Primária professa, “vocês são filhos Dele.”

Não podemos arruinar esse plano, “o caminho de Deus é perfeito” (Salmos 18:30). Se você se sentir abatido por suas próprias escolhas ou atual situação, saiba que, como o filho pródigo que retornou para casa, Deus terá “compaixão e [correrá], e [cairá] sobre o [seu] pescoço, e [te beijará].”

Graças a Expiação de Jesus Cristo, você nunca está fora do alcance de seu Pai. Como o Élder Holland diz:

“Por mais tardios que se imaginem, por mais chances que achem que perderam, por mais erros que sintam ter cometido ou talentos que achem que não têm, ou por mais longe do lar, da família e de Deus que achem que se afastaram, testifico-lhes que vocês não foram para além do alcance do amor divino. Não lhes é possível afundar tanto a ponto de não ver brilhar a infinita luz da Expiação de Cristo.”

A estrada para o céu é pavimentada de pedras de redenção. Não há homem ou mulher que passa para a próxima vida, além de Jesus Cristo, que fará tudo perfeitamente. Jesus Cristo e Seu evangelho dão apoio para a imperfeição. Como Ele disse enquanto estava em Jerusalém:

“Não necessitam de médico os sãos, mas, sim, os doentes” (Mateus 9:12).

Antes dessa vida, todos nós aceitamos o plano de salvação que permitiria que nos tornássemos como nossos Pais Celestiais. Nos disseram que teríamos a habilidade de escolher entre o bem e o mal e tudo o que fizéssemos. Também foi nos dito que teríamos um Salvador e, se O seguíssemos, ficaríamos bem.

Note que o plano de exaltação e o Salvador nos foram apresentados ao mesmo tempo. Os filhos de Deus não surpreendem seu Pai ao pecar, o que O levou a uma decisão drástica e bagunçada e a uma rápida reunião de diretoria de um ou dois minutos, onde montou-se uma ideia de um “rascunho” para um Salvador.

Não. O papel de Jesus como Redentor havia sido estabelecido desde o início.

As “alegre nova” (Alma 13:25) é que a Expiação de Jesus Cristo é eterna. Ele é “o Alfa e o Ômega, o início e o fim” (Apocalipse 1:8), A habilidade Dele de nos salvar de nossos pecados nunca acabará. Isto significa que nenhuma data ou horários na terra, é sinal de “muito-tarde-para-a-salvação” em nosso caminho de volta a Deus.

Através do arrependimento sincero, qualquer pessoa, a qualquer hora, pode sentir a limpeza que vem através da verdadeira conversão em Cristo.

O Élder Bruce C. Hafen explicou:

“Podemos ter vida eterna se quisermos… precisamos, portanto, oferecer voluntariamente tudo que temos, porque nem o próprio Deus pode fazer-nos crescer contra a nossa vontade e sem nossa plena participação… [mas] quando o tudo do Salvador e o nosso tudo se unirem, receberemos não apenas o perdão de nossos pecados, mas “o veremos como ele é” e “seremos semelhantes a ele.””

Os braços do céu estão sempre abertos e prontos para te receber.

Fonte: LDSLiving

Relacionado:

Você Não Está Estragando O Plano De Deus Para Você

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *