Presidente Nelson: O Senhor prometeu que lutaria nossas batalhas

Esses últimos meses têm sido cheios de preocupações no mundo todo. Não precisamos rever o cenário mundial, todos nós, pessoalmente, nos sentimos perturbados, nos perguntando o que vem depois de tudo isso.

É tanta confusão que parece que estamos vivendo na época do Livro de Mórmon, quando as combinações secretas buscavam o poder. Morôni, ao traduzir e resumir o registro jaredita advertiu primeiro a nossa dispensação acerca das muitas combinações secretas, e depois acerca da combinação secreta.

“Quando virdes essas coisas surgirem entre vós, estejais conscientes de vossa terrível situação por causa desta combinação secreta que existirá entre vós.” Éter 8: 24

Enquanto o mundo está sendo invadido por combinações secretas, a solução de Morôni é o arrependimento.

“É sabedoria de Deus que estas coisas vos sejam mostradas, a fim de que, por meio delas, vos arrependais de vossos pecados e não permitais que vos dominem essas combinações assassinas, instituídas para a obtenção de poder e lucro.” Éter 8: 23

satanás

Mas, aparentemente, se permitirmos que a combinação secreta cresça entre nós, a solução não é assim tão simples. Ele tinha visto a autodestruição de sua própria sociedade e tinha lido o resumo de seu pai de como tudo aconteceu:

“E aconteceu, por outro lado, que os nefitas ajudaram e apoiaram esses ladrões, começando pelos mais iníquos deles, até que eles se espalharam por toda a terra dos nefitas e seduziram a maior parte dos justos, que passaram a crer em suas obras e a participar de seus saques, associando-se a eles em seus homicídios e combinações secretas.

E assim obtiveram total controle do governo, tanto que espezinharam e feriram e maltrataram e desprezaram os pobres e os mansos e os humildes seguidores de Deus.” Helamã 6: 38-39

Morôni aparentemente sentiu que a arma secreta seria o registro que ele estava terminando:

“Portanto, eu, Morôni, tenho ordem de escrever estas coisas para que o mal seja reprimido e para que chegue o tempo em que Satanás já não tenha poder sobre o coração dos filhos dos homens, mas que eles sejam persuadidos a fazer o bem continuamente, para que cheguem à fonte de toda retidão e sejam salvos.” Éter 8: 26

Isaías até profetizou que,

“Naquele dia o surdo ouvirá as palavras do livro; e de dentro da escuridão e das trevas verão os olhos dos cegos.  Porque [..] eles verão que o temível será reduzido a nada e o escarnecedor, consumido; e todos os que procuram a iniquidade serão desarraigados.” 2 Néfi 27: 29,31 (Isaías 29)

Mas como vamos fazer para que o mundo leia o Livro de Mórmon a fim de que todos possamos nos arrepender e acabar com a crescente combinação secreta que foi profetizada?

O profeta Joseph Smith disse:

“Como Deus virá resgatar esta geração?  Ele enviará Elias, o profeta. (…) Elias, o profeta, revelará os convênios para selar o coração dos pais aos filhos e dos filhos aos pais.” (Ensinamentos dos Presidentes da Igreja – Joseph Smith, capítulo 26)

Como será esse resgate?  Os nossos filhos e as nossas famílias parecem estar em perigo crescente, e é precisamos fazer genealogia???

Quando Eliseu foi cercado pelo Exército Sírio, ele orou por seu servo, Geazi para ver o que ele viu: “porque mais são os que estão conosco do que os que estão com eles.” O Élder Widstoe notavelmente disse,

“Há mais nesse outro mundo do que aqui. Há mais poder e força lá do que temos aqui nesta terra […] Não nos enganaremos em nos tornarmos colaboradores na poderosa obra do Senhor para a redenção humana.” John A. Witdsoe, “O caminho da salvação”

Vemos que ele sabia algo sobre a inter-relação entre o grande exército de Jeová e Seus servos em apuros aqui na terra.

“Quem procura ajudar aqueles do outro lado recebe ajuda em troca de todos os assuntos da vida… A ajuda vem até nós do outro lado a medida que ajudamos aqueles que passaram para além do véu”. Élder John A. Widstoe, 10/34 Utah Genealogical and Historical Magazine

Não é de admirar que o Presidente Nelson tenha citado o profeta Joseph Smith ao nos dizer que o trabalho mais importante que temos neste momento é reunir Israel em ambos os lados do véu.

“Quando falamos da coligação de Israel em ambos os lados do véu, referimo-nos, é claro, ao trabalho missionário e ao trabalho de templo e história da família […] Sempre que fazemos algo para ajudar alguém — nos dois lados do véu — a fazer e a cumprir seus convênios com Deus, estamos ajudando a coligar Israel.”

O profeta Joseph tinha adicionado a sua declaração anterior abordando suas prioridades de compartilhar o evangelho, dizendo,

“A maior responsabilidade do mundo que Deus colocou sobre nós é a de buscar nossos mortos.” (Ensinamentos dos Presidentes da Igreja – Joseph Smith, capítulo 41)

diezmo bendiciones

Há dias melhores pela frente. Elas virão ao unirmos forças para compartilhar a maior arma que o Senhor nos deu, o Livro de Mórmon, primeiro ao envolver aqueles que já se foram e que precisam de ordenanças e que estão se preparando para esta última grande batalha.

“E o que o Senhor está disposto a fazer por Israel? O Senhor prometeu que “lutaria [nossas] batalhas e as batalhas de [nossos] filhos e as dos filhos de [nossos] filhos, (…) até a terceira e a quarta geração”!

Meus queridos irmãos e irmãs, ao escolherem permitir que Deus prevaleça em sua vida, vocês verão por si mesmos que Deus é um “Deus de milagres”.”

Fonte: Meridian Magazine

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *