Nenhum missionário de A Igreja de Jesus Cristo é testado positivo para COVID-19

Nenhum missionários de tempo integral de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias foi testado positivo para COVID-19, e em torno de 50% de 67 mil missionários estão sendo enviados para casa para serem redesignados ou concluir suas missões, segundo os ajuste da Igreja devido a pandemia do coronavírus.

Em meio a tudo isso, o Departamento Missionário da Igreja está vendo uma maneira de realizar o trabalho missionário, à medida que os élderes e as sisteres se aproximam, ensinam e se capacitam para pregar o evangelho.

meu evangelho

O Exército de Helamã moderno

“A aventura de toda uma vida” é a frase utilizada pelo Élder Brent H. Nielson, Setenta Autoridade Geral que é o diretor executivo do Departamento Missionário.

“Essa é uma aventura única na vida” ele disse. “Nossos missionários serão aqueles que dirão: ‘Fui missionário durante a pandemia do coronavírus. Servi nas Filipinas por um tempo, e voltei para servir em Nebrasca: era uma época e um tempo diferente, e éramos esses missionários’”.

Com emoção, ele continuou: “Quando vejo suas fotos nos aviões, são ‘o exército de Helamã’ de hoje, são muito impressionantes. Espero que todos, em meio a tudo isso, não se percam na experiência histórica que é para esses jovens homens e mulheres que foram os que sobrevivera a pandemia”.

A segurança missionária é uma prioridade

“Nossa principal preocupação é sempre a segurança de nossos missionários, e analisamos isso em cada situação: onde eles serão os mais seguros e o que podemos fazer para continuar a manter essa segurança” declarou o Élder Nielson.

E os missionários que esperam em casa ainda podem ter boas experiências, ele acrescentou. “Recebemos informações o tempo todo, como um jovem missionário que acaba de voltar com um grande grupo das Filipinas, e seus pais não são membros. Eles estavam no aeroporto para recebe-lo e expressaram sua gratidão a Igreja por ter cuidado tão bem de seu filho”.

Também foi explicado que nenhum líder de missão não nativo voltou para seu país de origem. O Élder Nielson disse que foi pedido a todos os presidentes de missão e suas companheiras que permaneçam em seus lugares.

Novos chamados e designações

A Igreja está aceitando e processando novos chamados e designações missionárias. Mas o processo pode levar um pouco mais de tempo do que o normal, explicou o Élder Nielson, ao pedir a compreensão e paciência aos missionários em perspectiva e suas famílias.

O contínuo movimento mundial de missionários voltando para casa e os ajustes de transferência ou de término de chamado, afetam o número de missões a curto e longo prazo, o que, por sua vez, afeta o chamado e a designação de novos missionários, durante o período de ajustes devido ao COVID-19.

“Quero que todos saibam que estamos fazendo o melhor que podemos em circunstâncias incertas e todos precisamos ser pacientes como membros de A Igreja de Jesus Cristo.”

“Acredito que será uma experiência incrível, quando tudo for dito e feito e quando a história for escrita.”

Fonte: The Church

Recomendado:

Estas são as diretrizes para os missionários que voltarão para casa por causa do coronavírus

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *